Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Löw rejeita favoritismo alemão e apoia Neymar

O treinador germânico não aceita a condição de favorito frente ao Brasil e deixa mensagem de apoio ao jogador Neymar.
8 de Julho de 2014 às 00:12

O selecionador da Alemanha, Joachim Löw, recusou esta segunda-feira, a condição de favorito frente ao Brasil, na meia-final do Mundial2014 de futebol, deixando uma mensagem de apoio ao brasileiro Neymar, lesionado.

"Lamentamos muito a baixa de Neymar, quero dizê-lo já. Desejávamos que estivesse aqui. Sempre preferimos jogar contra os melhores. É muito mau para o jogador. É uma situação terrível. Quero desejar-lhe a mais rápida recuperação e que regresse rapidamente", disse logo no início da conferência, antes de responder a qualquer pergunta.

Sobre o encontro de terça-feira, em Belo Horizonte, Löw garantiu que a sua equipa não é a favorita frente ao anfitrião Brasil, mesmo com as ausências de Neymar e Thiago Silva. Para o selecionador germânico, "uma meia-final é especial", dizendo que a Alemanha vai lutar pela oportunidade que tem de atingir a final do Mundial.

Mundial selecionador Alemanha Brasil Joachim Low
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)