Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Macau regista em 2019 violações mais graves na administração e fornecimento de vacinas

Lusa 26 de Outubro de 2019 às 04:43

As autoridades de Macau indicaram hoje em comunicado que detetaram este ano violações mais graves na administração e fornecimento de vacinas em estabelecimentos privados de saúde.

Os Serviços de Saúde realizaram inspeções em mais de um milhar de estabelecimentos e identificaram seis espaços privados que prestam cuidados de saúde "suspeitos de violar a lei", um número que contrasta a ausência de casos registados em 2015 e 2016 e com as nove situações detetadas em 2017 e 2018.

"Ou seja, em comparação com os anos anteriores, as violações registadas em 2019 foram mais graves", pode ler-se na mesma nota.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)