Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Magnata chinês e antigo legislador condenado a prisão perpétua por gerir rede de prostituição

Lusa 16 de Agosto de 2017 às 07:20

Um magnata chinês e antigo legislador na Assembleia Nacional Popular da China foi condenado a prisão perpétua, por aceitar subornos e gerir uma rede de prostituição no sul do país, noticiou hoje a imprensa oficial.

Liang Yaohu foi julgado por um tribunal de Dongguan, cidade chinesa conhecida como a "capital do sexo", e onde uma reportagem sobre redes de prostituição difundida pela televisão estatal CCTV, em 2014, resultou numa operação policial de larga escala.

O advogado de Liang, Wang Silu, disse que "todas as propriedades obtidas ilegalmente por Liang foram confiscadas e que ele foi privado dos seus direitos políticos para a vida", de acordo com o jornal oficial China Daily,.