Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Mais de 700 milhões de euros para o Líbano

A conferência dos países doadores que decorreu esta quinta-feira em Estocolmo, na Suécia, permitiu angariar mais de 700 milhões de euros para a reconstrução imediata no Líbano, um montante superior ao previsto.
31 de Agosto de 2006 às 20:48
“Esta conferência atingiu os seus objectivos com uma larga margem”, anunciou o ministro dos Negócios Estrangeiros sueco, Jan Eliasson, recordando que o objectivo anunciado oficialmente pelos organizadores era recolher cerca de 400 milhões de euros.
Nesta reunião, organizada de acordo com a resolução 1.701 da ONU, que pôs fim a 34 dias de confrontos entre Israel e o movimento xiita libanês Hezbollah, participaram representantes de mais de 50 países e de uma dezena de organizações internacionais.
O primeiro-ministro libanês garantiu que ajuda internacional, que deverá não será enviada para os cofres do Hezbollah, mas canalizada para “agências governamentais e todas as pessoas que dela precisam”. No final da conferência foi emitido um comunicado exortando a Israel que ponha fim ao bloqueio aéreo e marítimo imposto há sete semanas ao Líbano uma vez que a medida representa "um forte impedimento a um rápido processo de recuperação.
O pedido foi feito durante uma reunião realizada esta manhã em Jerusalém.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)