Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Manifestantes invadem Parlamento do Burkina Faso

Em protesto contra extensão do mandato do presidente.
Lusa 30 de Outubro de 2014 às 10:38
Alemanha exorta todas as partes a agirem com prudência e "responsabilidade política"
Alemanha exorta todas as partes a agirem com prudência e 'responsabilidade política' FOTO: Joe Penney/Reuters

Centenas de manifestantes entraram no Parlamento do Burkina Faso para protestar contra a planeada mudança na Constituição que permitiria ao Presidente, Blaise Compaore, estender o seu mandato, que dura há 27 anos, por mais cinco.

De acordo com o relato da AFP, a polícia teve de usar gás lacrimogéneo para impedir os manifestantes de entrarem na Assembleia Nacional antes da votação sobre esta alteração constitucional, mas ainda assim cerca de 1.500 pessoas conseguiram romper a barreira policial e entrar no edifício.

Os manifestantes saquearam os gabinetes, incendiando documentos e roubando equipamento informático, e incendiaram carros no exterior do edifício.

O país tem vivido um clima tenso nos últimos dias, à medida que se aproximava a votação desta alteração constitucional, que a União Europeia já disse que podia "pôr em causa a estabilidade, o desenvolvimento equitativo e o progresso democrático" neste país da África Ocidental.

Parlamento do Burkina Faso Assembleia Nacional União Europeia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)