Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Mariluz Cortés: Detidos dois suspeitos

As autoridades espanholas detiveram esta quarta-feira duas pessoas suspeitas de estarem ligadas ao desaparecimento e morte da pequena Mariluz Cortés, a menina de cinco anos cujo cadáver foi encontrado a flutuar na ria de Huelva no passado dia 7 de Março.
26 de Março de 2008 às 10:16
O cadáver de Mariluz foi encontrado 54 dias após o desaparecimento
O cadáver de Mariluz foi encontrado 54 dias após o desaparecimento

De acordo com fontes ligadas à investigação citadas pela Imprensa espanhola, as detenções foram determinadas por ordem judicial e tiveram lugar em Cuenca, sendo que os dois suspeitos, um casal vizinho da família, estão a prestar declarações “para comprovar alguns indícios”.

As fontes citadas esclarecem que, de momento, “de modo nenhum” podem afirmar que os detidos sejam os autores do crime de homicídio. Contudo, não está descartado que as suas declarações possam trazer novas pistas sobre o caso.

Juan José Cortés, o pai de Mariluz, assegurou à Imprensa que o homem detido tem antecedentes criminais por pedofilia e abusos sexuais e que sempre suspeitou dele desde o momento em que a filha desapareceu, a 13 de Janeiro.  


 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)