Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Médicos jovens e com larga experiência em uníssono contra políticas do governo

Profissionais de saúde concentraram-se em protesto em frente ao Ministério da Saúde.
8 de Julho de 2014 às 18:49

Médicos jovens e clínicos com larga experiência juntaram esta terça-feira a voz em protesto contra a política governamental para o setor, sublinhando a união dos profissionais e denunciando as dificuldades no exercício da sua profissão.

De bata branca e autocolantes amarelos onde se liam palavras de ordem, que também se reproduziam em cartazes, as centenas de médicos que esta terça-feira se concentraram em frente ao Ministério da Saúde, no primeiro de dois dias de greve, deram desta forma um "cartão amarelo" ao ministro Paulo Macedo.

"O nosso trabalho é cada vez mais limitado", disse à agência Lusa o médico Ricardo Pereira, interno de pediatria no Hospital de Santa Maria, em Lisboa. No protesto em frente ao Ministério da Saúde, este clínico disse que, no âmbito do internato, contacta com "várias realidades e várias assimetrias nos serviços".

Greve Médicos jovens experiência uníssono contra políticas governo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)