Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Migrações: Vitorino elogia resposta do Estado português mas admite "insuficiências" no SEF

Lusa 30 de Agosto de 2019 às 23:46

O secretário-geral da Organização Internacional das Migrações (OIM), António Vitorino, admitiu hoje que existem "insuficiências" no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) e elogiou o anterior Governo PSD/CDS-PP por, no período da 'troika', não ter estigmatizado os imigrantes.

Num jantar-conferência na Universidade de Verão do PSD, em Castelo de Vide, distrito de Portalegre, o antigo ministro socialista foi questionado sobre eventuais falhas e atrasos do Estado na resposta aos imigrantes que chegam a Portugal e, apesar de avisar de que não queria falar da situação nacional, acabou por responder.

"A resposta que o Estado português tem dado à crise dos migrantes é muito positiva, isso é consensual (...). Obviamente que todos já percebemos que há uma insuficiência muito grande de recursos e de capacidade de resposta do SEF, é público e notório quotidianamente. Mais do que medidas legislativas, o que é essencial é garantir capacidade de resposta do ponto de vista administrativo", defendeu.