Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
7

MP da Bélgica classifica ataques de Liège como "assassínios terroristas"

Atacante gritou várias vezes saudação islâmica e atuou seguindo o modus operandi do daesh.
Lusa 30 de Maio de 2018 às 12:11
Benjamim Herman, terrorista de Liège, foi abatido pela polícia após matar duas agentes e um civil
Benjamim Herman, terrorista de Liège, foi abatido pela polícia após matar duas agentes e um civil
Polícia belga no local do tiroteio em Liège
Duas agentes da polícia belga foram mortas em ataque terrorista em Liége
Polícia belga no local do tiroteio em Liège
Polícia belga no local do tiroteio em Liège
Benjamim Herman, terrorista de Liège, foi abatido pela polícia após matar duas agentes e um civil
Benjamim Herman, terrorista de Liège, foi abatido pela polícia após matar duas agentes e um civil
Polícia belga no local do tiroteio em Liège
Duas agentes da polícia belga foram mortas em ataque terrorista em Liége
Polícia belga no local do tiroteio em Liège
Polícia belga no local do tiroteio em Liège
Benjamim Herman, terrorista de Liège, foi abatido pela polícia após matar duas agentes e um civil
Benjamim Herman, terrorista de Liège, foi abatido pela polícia após matar duas agentes e um civil
Polícia belga no local do tiroteio em Liège
Duas agentes da polícia belga foram mortas em ataque terrorista em Liége
Polícia belga no local do tiroteio em Liège
Polícia belga no local do tiroteio em Liège

O Ministério Público federal belga classificou esta quarta-feira os ataques de terça-feira em Liège, que provocaram três vítimas mortais, como "assassínios terroristas" e indicou que a investigação agora está centrada em determinar se o agressor atuou sozinho.

Em conferência de imprensa, o procurador Wenke Roggen confirmou que o agressor, identificado como Benjamin Herman, gritou por diversas vezes a frase em árabe "Allahu akbar" ("Alá é grande") durante o tiroteio antes de ser abatido, um dos factos que aponta para um ataque terrorista.

Por outro lado, apontou, o "modus operandi" corresponde àquele que o grupo terrorista daesh recomenda nas suas mensagens de propaganda de vídeo, de ataques com arma branca contra agentes policiais, no intuito de lhes roubar as armas de fogo.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)