Misericórdia de Penela recusa intoxicação alimentar, 18 utentes no hospital com gripe

Por Lusa|28.11.17
  • partilhe
  • 0
  • +

O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Penela recusou que a situação de emergência que levou hoje 18 utentes da instituição aos hospitais de Coimbra tenha tido origem numa intoxicação alimentar.

"Não há intoxicação alimentar nenhuma, foi um foco gripal mais complicado por se tratar de uma população idosa e débil, como são os utentes do lar. Lamento o alarmismo que se gerou em redor disto", disse à agência Lusa Fernando Antunes.

O provedor da Misericórdia de Penela informou que 18 utentes da instituição foram transportados ao hospital por apresentarem sintomas de vómitos e diarreia, após uma utente "com várias patologias e também uns vómitos" ter sido avaliada pelo Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) na instituição, depois da médica de família da doente ter indicado que devia ir ao hospital.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!