Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Morreu o violoncelista holandês Anner Bylsma pioneiro do resgate da música barroca

Lusa 26 de Julho de 2019 às 09:25

O violoncelista holandês Anner Bylsma, que se distinguiu pela investigação da música barroca e da sua interpretação, autor de "Bach, o mestre de esgrima", morreu na madrugada de quinta-feira, aos 85 anos, em Amesterdão, informou a família.

Pioneiro da corrente de interpretação historicamente informada, que mudou os padrões de investigação musicológica nas seis últimas décadas, Anner Bylsma marcou igualmente o repertório contemporâneo, tendo divulgado mais de 300 anos do património musical europeu, de Frescobaldi, Bach e Vivaldi, a Mozart e Beethoven, Maurice Ravel, Paul Hindemith e Olivier Messiaen.

Anner Bylsma nasceu em 17 de fevereiro de 1934. Formado no Conservatório Real de Haia, em 1957, com o Prémio de Excelência, foi aluno do violoncelista Carel van Boomkamp, fundador do Netherlands String Quartet, um dos primeiros investigadores de fontes originais da música pré-romântica, nas principais instituições europeias.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)