Morto um dos líderes do grupo extremista Abu Sayyaf em confrontos com soldados filipinos

Por Lusa|29.04.17
  • partilhe
  • 0
  • +

O chefe do exército das Filipinas revelou hoje que os fuzileiros mataram, na noite de sexta-feira, um comandante do grupo extremista Abu Sayyaf, considerado um dos mais notórios sequestradores do sul do país.

Alhabsy Misaya foi morto na sequência de confrontos com fuzileiros na selva, entre as cidades de Indanan e Parang, na província Sulu, disse o general Eduardo Ano à agência noticiosa Associated Press.

O corpo de Alhabsy Misaya foi identificado por militantes do Abu Sayyaf capturados, indicou o mesmo responsável.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!