Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Mulher tenta matar rival e suicida-se

Uma mulher de 37 anos suicidou-se ontem, em Grândola, depois de ter disparado uma caçadeira contra outra mulher, da mesma idade, alegadamente por motivos passionais: o marido da atiradora estaria a traí-la com a vítima.
18 de Fevereiro de 2012 às 01:01

Natércia, engenheira alimentar natural de Grândola mas a viver em Santarém, esperou que a rival chegasse a casa, no Bairro de São João, pelas 17h15. Ao ver a rival, Natércia saiu do carro e disparou. "Atingiu apenas a viatura", disse ao CM fonte policial. A vítima fugiu e refugiou-se no posto da GNR. Acto contínuo, a agressora encostou o cano da caçadeira ao pescoço e terminou com a vida à porta de casa da rival. Natércia e a vítima conheciam--se e foram colegas de escola. "Supõe-se que tudo aconteceu por causa de um alegado relacionamento amoroso do marido da Natércia com a senhora que ela tentou matar", adiantou fonte próxima de Natércia.

grândola suicídio
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)