Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

Ota é questão nacional

Marques Mendes respondeu esta sexta-feira ao ministro Mário Lino, que o tinha acusado de usar a Ota como “arma de arremesso político”, afirmando que o novo aeroporto “não é uma questão partidária, nem regional”, mas sim uma matéria “nacional da maior importância”.
4 de Maio de 2007 às 19:23
À margem da visita à feira de agro-pecuária Ovibeja, em Beja, o líder social democrata considerou que “se a obra fosse paga pelo bolso do primeiro-ministro ou pelo bolso do ministro Mário Lino, eu não tinha nada com isso. O problema é que vai ser paga por todos os portugueses e, por isso, é natural que eu exija que exista bom senso e uma solução mais económica”.
Para o Governo deixa uma pergunta: “Alguém de bom senso percebe que se construa um aeroporto que, daqui a 20 anos, está esgotado e não pode ser ampliado?”. Marques Mendes antecipa a resposta: “Nem um engenheiro inscrito na ordem dos engenheiros consegue explicar isto”, ironizou, referindo-se às declarações de Mário Lino, que tinha feito referência à sua inscrição na Ordem dos Engenheiros como Engenheiro Civil.
A solução é “cara demais”, por isso o líder social-democrata espera que o Governo recue e adianta que será “o primeiro a cumprimentar o Governo por essa mudança”. No entanto, considera que “O Governo e, em particular, o primeiro-ministro, que é o responsável e tem de se deixar de caprichos, teimosias e arrogâncias e mandar fazer estudos alternativos para que se construa um aeroporto que seja a solução mais económica”.
GOVERNO DEVE APOIAR AGRICULTORES
Apesar dos projectos do Alqueva e do futuro aeroporto civil de Beja constituírem obras importantes para a região, Marques Mendes considera que “se não houver uma outra atitude de apoio à agricultura e aos agricultores, se o Governo e agricultores estiverem de costas voltadas, todos perdem”.
O “braço-de-ferro” e o “clima de crispação”, entre agricultores e Executivo devem acabar até porque “há muitas e legítimas razões de queixa dos agricultores e eles próprios estão disponíveis para reencontrar outros caminhos e soluções defendeu”. Mendes acusa mesmo o Governo de ser “arrogante e prepotente”, manifestando “um grande desprezo pelos agricultores”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)