Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Pagamento dos juros da dívida mantém valor das reservas externas de Moçambique - Consultora

Lusa 29 de Janeiro de 2019 às 07:54

As reservas estrangeiras de Moçambique deverão manter-se praticamente inalteradas quando o Governo começar a pagar os juros da emissão de títulos de dívida, no seguimento do acordo preliminar anunciado em novembro, disse a consultora Bloomberg Intelligence.

"As reservas provavelmente não vão cair quando Moçambique recomeçar a pagar os juros sobre os 'eurobonds', no seguimento do acordo com os investidores", lê-se numa nota desta consultora, que dá conta de que este valor representa menos de 40 milhões de dólares (35 milhões de euros) por ano.

"Os pagamentos dos cupões para a nova emissão com data de 2033 equivalem a mais ou menos 38 milhões de dólares [33,2 milhões de euros] por ano sem haver amortizações até 2029", escrevem os analistas, notando que "as reservas estrangeiras de Moçambique aumentaram mais de 50% em 2017, mais pelo aumento das exportações de carvão do que por um abrandamento do serviço da dívida no seguimento do incumprimento financeiro sobre a emissão de 2016", no valor de 50 milhões de dólares (43,7 milhões de euros).

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)