Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Pagamentos em atraso aumentam 31 ME em abril devido a hospitais EPE

Nos quatro primeiros meses do ano, os pagamentos em atraso há mais de 90 dias aumentaram 114 milhões de euros, uma vez que no final de 2013 tinham atingido os 1.897 milhões de euros.

22 de Maio de 2014 às 18:42

Os pagamentos em atraso das administrações públicas aumentaram 31 milhões de euros em abril face ao mês anterior, atingindo os 2.011 milhões de euros, sobretudo devido aos hospitais EPE, segundo a Direção-Geral do Orçamento (DGO).

De acordo com a síntese da execução orçamental de abril, divulgada esta quinta-feira pela DGO, "foram os hospitais EPE que contribuíram quase exclusivamente para este aumento", uma vez que as dívidas por pagar há mais de 90 dias dos hospitais EPE aumentaram 41 milhões.

Por outro lado, os pagamentos em atraso na administração local registaram uma melhoria de 12 milhões de euros em abril, comparando com o mesmo período de 2013.

Pagamentos atraso aumentam 31 ME abril devido hospitais EPE
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)