Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

Papa espera maior compreensão entre religiões

Bento XVI afirmou esta sexta-feira que espera ter contribuído para uma maior compreensão entre as religiões durante a sua visita à Turquia, que terminou esta manhã, após uma missa celebrada em Istambul. O Papa afirmou ainda, à saída de Istambul, ter deixado “uma parte do coração” na cidade.
1 de Dezembro de 2006 às 12:32
Ao início da manhã, antes de celebrar a última missa da sua visita, na catedral do Espírito Santo, Bento XVI soltou quatro pombas brancas, símbolos de paz, tendo sido, pela primeira vez durante a sua estadia, ovacionado pelos fíeis que o esperavam junto da catedral.
Durante a missa, o Papa lançou um novo apelo ao respeito da liberdade religiosa das minorias cristãs da Turquia. A Igreja “não quer impor nada a ninguém, pede simplesmente para viver livremente para revelar o que não pode esconder: Jesus Cristo”, afirmou Bento XVI durante a homilia.
O Sumo Pontífice da Igreja Católica evocou ainda, uma última vez, as relações entre a Turquia e a Europa, com uma referência à “história comum” entre as diferentes religiões no país.
“Como não pensar nos diferentes acontecimentos que forjaram aqui mesmo a nossa história comum?”, questionou Bento XVI, dirigindo-se aos representantes de outras religiões e comunidades eclesiásticas presentes na cerimónia.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)