Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Paris/Atentado: Portugueses na zona da operação policial falam em "palco de guerra"

Lusa 9 de Janeiro de 2015 às 10:22

A portuguesa Alexandrina Vieira, funcionária num restaurante na aldeia onde decorre a operação policial para deter os dois suspeitos do atentado de Paris, considerou hoje à Lusa que o local está transformado num "palco de guerra".

"É um palco de guerra a entrada de Seine-et-Marne, com um grande aparato de polícias, autoridades armadas e tudo isso, há helicópteros a sobrevoar a zona", relatou a portuguesa por telefone à Lusa.

Alexandrina Vieira descrevia assim a operação policial que já foi confirmada oficialmente pelo Ministério do Interior francês, e que tem por objetivo deter os dois suspeitos do atentado ao jornal satírico Charlie Hebdo, que já terão feito um refém na localidade, segundo fontes policiais.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)