Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Passos Coelho quer solução no Ramal da Lousã

Ramal ferroviário do distrito de Coimbra foi desativado há cinco anos.
6 de Dezembro de 2014 às 19:54
Primeiro-ministro observa a bola de exercicio de uma utente do Centro Social Comunitário da Fundação ADFP, em Miranda do Corvo
Primeiro-ministro observa a bola de exercicio de uma utente do Centro Social Comunitário da Fundação ADFP, em Miranda do Corvo FOTO: Paulo Novais/Lusa

O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, assumiu este sábado, em Miranda do Corvo, o compromisso de candidatar ao novo quadro comunitário de apoio uma solução de mobilidade para o ramal ferroviário da Lousã, que foi desativado há cinco anos.

"Julgo que a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) está nesta altura a ultimar o estudo de viabilidade que exige que se estudem também alternativas, para as poder comparar, usando o mesmo veículo de infraestrutura que já está colocado. A possibilidade de alternativas passa por ter ligações com autocarros elétricos", disse o chefe do Governo.

Pedro Passos Coelho, que presidia à cerimónia de apresentação de um livro com casos de sucesso de pessoas com deficiência da Fundação ADFP, adiantou que será promovida uma discussão pública para definir qual o melhor sistema de transporte a implementar no antigo canal ferroviário entre Serpins (Lousã) e Coimbra.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)