Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Pena suspensa para professor de música

Filipe Souto, professor de música numa escola de Gondomar, foi esta tarde condenado a dois anos de prisão com pena suspensa por igual período de tempo. O docente estava acusado de 10 crimes de abuso sexual de menores e exibicionismo, sendo que ao longo do julgamento nove das suas antigas alunas desistiram das queixas. Duas das desistências chegaram hoje mesmo.
19 de Fevereiro de 2009 às 15:28
Filipe Souto foi condenado a dois anos de prisão com pena suspensa
Filipe Souto foi condenado a dois anos de prisão com pena suspensa FOTO: d.r.

O professor foi condenado por um crime de abuso sexual, dois crimes de fotografias ilícitas e um crime de acto sexual com adolescente.

À saída da audiência, o advogado de defesa disse que a pena é excessiva no que toca aos crimes de fotos ilícitas, estando a ponderar a possibilidade de recorrer.

Ver comentários