Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Pescadores estão a diminuir e só no Algarve número caiu para metade em 16 anos

Lusa 23 de Fevereiro de 2019 às 12:32

Os baixos salários, as restrições à captura e a concorrência da náutica de recreio estão a fazer baixar o número de pescadores em Portugal, sobretudo no Algarve, região onde, desde 2001, o número caiu para metade.

Segundo Miguel Cardoso, presidente da Olhão Pesca, a pesca é cada vez menos atrativa por ser uma atividade mal remunerada e pouco regular, devido às restrições e diminuição das capturas, aliado a outros fatores, como a concorrência da náutica de recreio e a exigência de um período longo e complexo de formação.

"No Algarve, o turismo e a náutica de recreio têm crescido exponencialmente e há muitos pescadores que se estão a virar para esse ramo de atividade", disse à Lusa o responsável pela Organização de Produtores de Pescado Algarve, sublinhando que existem já embarcações paradas por falta de tripulação.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)