Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

P/Estabilidade: Governo admite 'plano B' com aumento de impostos sem ser no IRS, IRC e IVA

Lusa 21 de Abril de 2016 às 23:32

O Governo inscreveu no Programa de Estabilidade um 'plano B' caso a execução orçamental comece a derrapar, admitindo um aumento de impostos, excluindo IRS, IRC e IVA, e a contenção de despesa em cerca de 350 milhões de euros.

No Programa de Estabilidade, aprovado hoje em Conselho de Ministros e remetido à Assembleia da República, o executivo liderado por António Costa reafirma o compromisso de atingir o défice de 2,2% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2016 e assegura que "está preparado para implementar se e quando for necessário as medidas requeridas para cumprir" essa meta orçamental.

"No caso de ser identificado um desvio significativo, após avaliação regular, o Governo dispõe de cativações adicionais, pela primeira vez na Lei do Orçamento do Estado, para controle de despesa na aquisição de bens e serviços no montante de 0.19 pontos percentuais do PIB", cerca de 350 milhões de euros, lê-se no documento.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)