Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Petrolíferas destacam prejuízos causados pela procura de combustíveis em Espanha

Lusa 14 de Março de 2016 às 20:01

O presidente da associação das petrolíferas considerou hoje normal que muitas famílias e empresas abasteçam os seus veículos em Espanha, dada a diferença de preços dos combustíveis nos dois países, destacando os prejuízos para as empresas e a economia portuguesas.

"Esta disparidade [dos preços dos combustíveis] com Espanha é um fator de perturbação do mercado nacional, com claros prejuízos para a economia nacional", disse à agência Lusa António Comprido, presidente da Associação Portuguesa de Empresas Petrolíferas (APETRO).

O responsável, que falava à margem de uma conferência sobre o setor dos combustíveis que hoje decorreu em Lisboa, na Fundação Gulbenkian, escusou-se a comentar o apelo lançado na semana passada pelo ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, para que os portugueses não abasteçam os seus veículos com combustível em Espanha.