Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

PGR define prioridades de investigação a crimes

Os crimes cometidos contra idosos, crianças, deficientes, professores e outros membros da comunidade escolar, médicos e outros profissionais de saúde vão ter “especial prioridade”, indicou o Procurador-Geral da República (PGR), no portal da instituição.
22 de Janeiro de 2008 às 17:38
Num conjunto de instruções sobre a Lei de Política Criminal, Pinto Monteiro exige ainda especial atenção à criminalidade organizada e violenta contra pessoas, nomeadamente “homicídios, ofensas à integridade física grave, sequestro, rapto, tomada de reféns, tráfico de pessoas, e droga e crimes contra a liberdade e autodeterminação sexual e corrupção”.
A “prioridade absoluta” da Lei de Política Criminal continua a ser dada aos processos “com arguidos detidos e aos processos relativos a crimes cujo prazo de prescrição se mostre próximo do seu fim”.
Na nota, Pinto Monteiro considera dever-se-á evitar “a formação de processos de grande dimensão, os designados ‘mega-processos’, cuja gestão e resolução final acarretam, necessariamente, dificuldades acrescidas”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)