Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

Mês de novembro foi o quarto mais chuvoso dos últimos 18 anos

Portugal continental deixou de estar em seca meteorológica fraca a moderada.
Lusa 5 de Dezembro de 2018 às 09:46
Chuva
Chuva
Calor
Tempo seco
Seca
Chuva
Chuva
Calor
Tempo seco
Seca
Chuva
Chuva
Calor
Tempo seco
Seca

Portugal continental deixou de estar em seca meteorológica fraca a moderada no final de novembro, mês classificado como o quarto mais chuvoso dos últimos 18 anos, segundo o Boletim Climatológico do Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

De acordo com índice meteorológico de seca (PDSI) referido no boletim, disponível no 'site' do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a 30 de novembro terminou a situação de seca meteorológica fraca a moderada que se verificava no final de outubro.

Assim, no final de novembro, 9,8% do território estava na classe normal, 89,6% em chuva fraca e 0,6% em seca moderada.

A 31 de outubro mantinha-se a situação de seca fraca a moderada em todo o território: 0,1% estava na classe normal, 82,4% na classe de seca fraca e 17,5% na classe de seca moderada.

O IPMA classifica em nove classes o índice meteorológico de seca, que varia entre "chuva extrema" e "seca extrema".

Segundo o Boletim Climatológico, o mês de novembro em Portugal continental classificou-se como normal em relação à temperatura do ar e chuvoso quanto à precipitação.

"O valor médio da quantidade de precipitação 177,1 milímetros corresponde a cerca de 162% do valor normal, sendo o quarto novembro mais chuvoso desde 2000", destaca o IPMA.

O Instituto esclarece que os valores da quantidade de precipitação superiores aos agora registados ocorreram em cerca de 20% dos anos (desde 1931).

O IPMA destaca que durante o mês de novembro ocorreram vários dias com precipitação, nomeadamente de 04 a 11, de 18 a 25 e dia 29.

No dia 11 ocorreu precipitação forte e persistente, em especial nas regiões do Norte e Centro, que deu origem a várias inundações, em particular na região de Lisboa, com valores de precipitação em 24 horas superiores a 60 milímetros.

"De destacar ainda que até dia 11 de novembro, o total de precipitação ocorrido correspondia já a 92% do valor normal do mês de novembro e em algumas estações do Norte e Centro já tinha sido ultrapassado o respetivo valor mensal", é referido.

No que diz respeito às temperaturas, o valor médio do ar (11,87 graus Celsius) foi inferior ao normal.

O valor médio da temperatura mínima (7,91 graus) foi igual ao valor normal e o valor médio da temperatura máxima (15,83 graus) foi inferior ao normal.

O IPMA indica ainda que a partir de dia 20 de novembro, os valores diários da temperatura foram quase sempre inferiores ao normal, em particular os valores da temperatura máxima.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)