Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

Portugueses sob vigilância

Três cidadãos portugueses que estiveram recentemente hospedados em hotéis de Londres, nos quais foram detectados vestígios da substância radiactiva polónio-210, estão a ser acompanhados pelas autoridades de saúde nacionais “por precaução”, mas não apresentam qualquer sintoma de contaminação por radiação, noticiou ontem a RTP 1.
13 de Dezembro de 2006 às 11:15
Os cidadão lusos ficaram hospedados nos hotéis Best Western, Sheraton Park Lane e Millenium, todos situados no centro de Londres, entre Outubro e Novembro. Devido ao facto de terem sido detectados vestígios mínimos de radiação naqueles hotéis na sequência do caso Litvinenko, as autoridades de saúde britânicas alertaram as autoridades portuguesas, que já identificaram os três cidadãos em causa.
Em declaração ao ‘Telejornal’, o secretário de Estado das Comunidades, António Braga, assegurou que os três portugueses já foram contactados e “estão a ser acompanhados por precaução”, muito embora o risco de contaminação seja “mínimo”. Até ao momento, foram apenas feitos exames de rotina, já que nenhum dos cidadãos lusos apresentou sintomas que implicassem a realização de exames complementares.
Entretanto, a Interpol juntou-se ontem à investigação sobre a morte por envenenamento, com polónio-210, do ex-espião russo Alexander Litvinenko. O caso envolve as Polícias britânica, alemã e russa, e a participação da Interpol visa facilitar a troca de informações.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)