Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
7

PR diz que execução orçamental até agora não suscita preocupações

Marcelo Rebelo de Sousa está em visita oficial à Alemanha.
Lusa 29 de Maio de 2016 às 20:23
O Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa
O Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa FOTO: Paulo Novais/Lusa

O Presidente da República afirmou este domingo, em Berlim, que, para já, "a execução orçamental não dá razões para preocupação", considerando mesmo que os números de abril, já na aplicação do Orçamento de Estado de 2016, constituem um "sucesso apreciável".

Em declarações aos jornalistas pouco após chegar à Alemanha, para uma visita oficial de dois dias, durante a qual se reunirá com a chanceler alemã, Marcelo Rebelo de Sousa, questionado sobre alegadas divergências relativamente às previsões económicos do Governo e necessidade de um eventual orçamento retificativo - e com o ministro dos Negócios Estrangeiros e "número dois" do Governo, Augusto Santos Silva, a seu lado -, sublinhou que, "da ótica da execução orçamental", um ponto que deverá de resto abordar com Angela Merkel, "as notícias a dar são notícias boas".

Lembrando que já teve "oportunidade de chamar a atenção para um facto que não foi muito sublinhado", o de a execução relativamente ao mês de abril, já na aplicação do OE2016, ter dado, no saldo primário, "um resultado apreciavelmente simpático, no sentido em que há uma contenção de despesas", o chefe de Estado admitiu que é naturalmente necessário estar vigilante, até devido a fatores externos, que não se controlam, mas insistiu que não, que "a execução orçamental não dá razões para preocupação".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)