Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Proibida apanha de bivalves em diversas zonas da costa portuguesa

Presença de toxinas causadoras de intoxicação diarreica e amnésica.
26 de Junho de 2014 às 08:04

A apanha de bivalves está proibida em diversas zonas da costa de Portugal continental devido à presença de toxinas causadoras de intoxicação diarreica e amnésica, revelou esta quarta-feira o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o IPMA, foi imposta temporariamente a interdição da apanha e captura para todos os bivalves no Estuário do Lima, litoral de Matosinhos, litoral de Aveiro e Ria de Aveiro, no estuário do Mondego e no litoral entre Peniche e Lisboa.

Além destes locais, a proibição do IPMA estende-se à Lagoa de Albufeira, para o berbigão, enquanto no litoral entre Setúbal e Sines está interditada a apanha de mexilhão e da conquilha, no estuário do Mira e no litoral de Lagos o mexilhão. Na Ria Formosa está igualmente interdita a apanha de berbigão e dolongueirão.

pesca bivalves costa portuguesa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)