Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
7

Centenas protestam conta a "degradação" dos transportes públicos

Manifestação junto do Cais Sodré, em Lisboa.
Lusa 22 de Setembro de 2016 às 18:43
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores
Protesto foi promovido por utentes e trabalhadores

Mais de uma centena de pessoas concentraram-se esta quinta-feira ao final da tarde junto à estação de comboios do Cais do Sodré, em Lisboa, num protesto promovido por utentes e trabalhadores contra a "degradação do serviço de transportes públicos".

"Mais e melhores acessibilidades", "Transportes para todos", "Reposição imediata de carruagens na linha verde [do metro]", "Direito à mobilidade" e "Nós, estudantes, queremos mais transportes e passe escolar" eram algumas das frases inscritas nos cartazes exibidos pelos participantes.

Tendo em conta a elevada adesão à iniciativa, a organização - que juntou a Comissão de Utentes dos Transportes Públicos de Lisboa e a Federação de Sindicatos dos Transportes e Comunicações (FECTRANS) - decidiu levar o protesto até ao Largo de Camões.

Pelas 18h30, os participantes estavam a subir a Rua do Alecrim, que liga esta praça ao Cais do Sodré.

Entre eles estavam a vereação da CDU e deputados municipais.

O vereador comunista João Ferreira sublinhou a importância de a concentração juntar utentes e trabalhadores.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)