Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Quatro mortos e 230 mil afetados por temporal no noroeste da China

Temporal destruiu ou provocou danos em mais de 1.200 habitações.
26 de Junho de 2014 às 08:41

Quatro pessoas morreram e outras 236 mil foram afetadas pelas chuvas torrenciais e inundações que desde a semana passada atingem a região de Xinjiang, no noroeste da China, informaram hoje as autoridades locais.

Três das vítimas mortais foram atingidas por raios, enquanto uma quarta morreu afogada na sequência das cheias que já causaram prejuízos avaliados em mais de 278 milhões de yuan (32,7 milhões de euros), indica a agência oficial Xinhua.

O temporal destruiu ou provocou danos em mais de 1.200 habitações na região, causando a morte de quase 5.000 cabeças de gado, segundo o departamento de assuntos civis de Xinjiang.

A China sofre anualmente pelo verão inundações por tufões que, todos os anos, causam centenas de mortos, mas este tipo de fenómenos são, contudo, mais comuns na metade sul do país, sendo rara a sua ocorrência em regiões como o Xinjiang, cuja grande parte da sua área é deserta.

China temporal mortes Xinjiang
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)