Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Rangel acusa PS de deixar "cofres vazios" para o estado social

Cabeça de lista da coligação PSD/CDS-PP discursou num almoço em Macedo de Cavaleiros.
11 de Maio de 2014 às 14:19

O cabeça de lista da coligação PSD/CDS-PP, Paulo Rangel, acusou este domingo o PS de falar do estado social, quando deixou o país "com os cofres vazios", sem poder pagar educação, saúde e segurança social.

"Vejo os nossos adversários, que ainda no sábado andaram por estas terras, a falar do estado social. Mas quem deixa o país na bancarrota é quem trata do estado social? Como é que um país com os cofres vazios pode pagar a educação, a saúde ou a segurança social?", questionou Paulo Rangel.

Num almoço em Macedo de Cavaleiros, com o presidente do PSD e primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, e o primeiro candidato do CDS-PP na lista da coligação Aliança Portugal (PSD/CDS-PP), Nuno Melo.

 

paulo rangel estado social PS acusação
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)