Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Refugiadas sírias com famílias a cargo são mais de 145.000 - relatório do ACNUR

8 de Julho de 2014 às 06:05

Mais de 145.000 famílias refugiadas sírias, um quarto do total, estão a cargo de mulheres que lutam contra a falta de recursos, o isolamento e o medo, revela um relatório da ONU hoje divulgado.

O relatório "Mulher sozinha -- a luta pela sobrevivência das mulheres refugiadas sírias", do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), baseia-se no testemunho de 135 daquelas mulheres "obrigadas a assumirem sozinhas a responsabilidade das suas famílias depois de os seus maridos terem sido mortos, raptados ou separados delas".

Ficam "presas numa espiral de pobreza, isolamento e medo", assinala a agência da ONU no comunicado de divulgação do relatório.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)