Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Rei Filipe VI homenageia ex-jogador no Santiago Bernabéu

A deslocação do Rei Felipe VI à capela do estádio Santiago Bernabéu, onde se encontra o corpo de Alfredo di Stefano, foi o ponto culminante de um dia intenso de homenagem póstuma e reconhecimento a uma figura única do madridismo
8 de Julho de 2014 às 21:21

Felipe VI aproximou-se da capela onde estava o corpo do antigo futebolista, antes de se sentar a falar com familiares deste e de ter assinado o livro de condolências. Ao abandonar o estádio qualificou Di Stefano como uma "figura irrepetível, única no mundo e que fez do futebol uma arte".

"Reconhecemos nele uma personalidade extraordinária. Lamentamos muito e manteremos sempre a nossa admiração e gratidão para sempre. Di Stefano foi um grande entre os grandes", rematou Felipe, antes de abandonar o estádio sob aplauso de dezenas de adeptos do Real Madrid.

O primeiro a chegar ao estádio foi o presidente do Real Madrid, Florentino Perez, que assumiu o papel de anfitrião com todas as personalidades que iam chegando e que, inclusive, se deixou fotografar com alguns adeptos que o solicitaram para isso. Junto a Pérez esteve sempre Emilio Butragueño, ex-futebolista e atual diretor das Relações Institucionais do clube.

A capela esteve aberta durante dez horas e foi visitada por milhares de pessoas que quiseram dizer o último adeus ao maior símbolo do madridismo, que tem no palmarés cinco Taças dos Campeões europeus, muitas delas visivelmente emocionadas, saindo do estádio com lágrimas nos olhos.

 

Espanha Di Stefano
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)