Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

Roseta ataca partidos

Helena Roseta afirmou esta quarta-feira que “os partidos precisam de levar uma lição porque não ouvem as pessoas” e acredita “numa recomposição do voto na cidade”.
11 de Julho de 2007 às 14:20
A candidata do movimento “Cidadãos por Lisboa” respondia às perguntas de um militante do PS, que lhe perguntou porque se desfiliou do partido. Helena Roseta respondeu que o PS mostrou não precisar de si, que “os partidos estão muito fechados” e que movimentos como o seu “mostram que é possível os partidos abrirem-se mais”. E considerou mesmo que “se o PS ouvisse mais as pessoas certamente teríamos um melhor Governo”.
“Vamos ver qual é a resposta que os eleitores dão em relação aos partidos e em relação aos independentes. Estou convencida que haverá uma recomposição do voto na cidade de Lisboa, sinto-a na rua, muitas pessoas do SP dizem-me que vão votar em mim”, afirmou a candidata.
Numa acção de rua em Alcântara, Helena Roseta contactou com os eleitores, muitos que ainda acreditavam que se mantinha no PS. A candidata lá explicou que era independente e deu a conhecer o nome e o símbolo do movimento.
Ver comentários