Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Rússia garante que ataques na Síria só têm Daesh como alvo

Ataques aéreos em Alepo mataram mais de 20 pessoas na quinta-feira.
Lusa 18 de Novembro de 2016 às 04:54
ministro dos Negócios Estrangeiros, Síria, Sergey Lavrov, Peru, Mossul, John Kerry, Daesh, Fórum de Cooperação Económica Ásia Pacifico, Alepo, Líbia, política, distúrbios, guerras e conflitos, diplomacia
ministro dos Negócios Estrangeiros, Síria, Sergey Lavrov, Peru, Mossul, John Kerry, Daesh, Fórum de Cooperação Económica Ásia Pacifico, Alepo, Líbia, política, distúrbios, guerras e conflitos, diplomacia FOTO: Reuters

O ministro dos Negócios Estrangeiros russo disse na quinta-feira que os ataques na Síria são limitados e têm como alvo o grupo terrorista Daesh, após notícias de elevado número de mortos no leste do país.

Sergey Lavrov disse aos jornalistas, durante um fórum económico no Peru, que as forças aéreas russas e sírias estão a trabalhar em conjunto para impedir que combatentes do Daesh que estão a fugir da cidade iraquiana de Mossul entrem na Síria.

O ministro falou depois de um encontro privado com o secretário de Estado norte-americano John Kerry durante o Fórum de Cooperação Económica Ásia Pacifico (APEC). Segundo Kerry, os dois falaram sobre "todos os aspetos" de Alepo, entre outros tópicos, como a Líbia e o Iémen.

"A nossa força aérea e a força aérea síria apenas trabalham nas províncias de Idlib e Homs para prevenir que os [membros do] Daesh que estejam a deixar Mossul entrem na Síria", disse Lavrov.

Ativistas sírios e trabalhadores ligados ao apoio humanitário informaram que ataques aéreos em Alepo mataram mais de 20 pessoas na quinta-feira durante uma ofensiva síria e russa a zonas controladas pela oposição.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)