Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Santos Silva diz que nenhuma guerra pode fundar-se numa mentira

Lusa 13 de Julho de 2016 às 18:30

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, defendeu hoje que nenhuma intervenção militar pode fundar-se numa mentira e deve ser sempre "o último dos últimos recursos", no que disse ser lições da guerra no Iraque.

O ministro, que foi hoje ouvido na comissão parlamentar de Negócios Estrangeiros e Comunidades Portugueses, foi questionado pelo PS, PCP e Bloco de Esquerda sobre a guerra no Iraque, na sequência da divulgação do relatório Chilcot, sobre o envolvimento do Reino Unido na guerra do Iraque de 2003, nomeadamente sobre o papel de Portugal, que acolheu nas Lajes uma cimeira com os primeiros-ministros português, espanhol e britânico e o Presidente norte-americano, que desencadeou a intervenção.

Santos Silva destacou que o episódio deixou algumas lições, desde logo que "é ilegítimo e completamente absurdo querer usar o meio da confrontação militar para mudar um regime".

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)