Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

Seguro acusa Governo de "descaramento" ao negar aumento de impostos em 2015

Secretário-geral do PS carateriza de escândalo as posições de membros do executivo PSD/CDS.
2 de Maio de 2014 às 17:37

O secretário-geral do PS, António José Seguro, classificou esta sexta-feira como "um escândalo", um "descaramento" e uma "falta de respeito" pelos portugueses haver membros do Governo que negam a existência de um aumento de impostos em 2015.

Confrontado com declarações de membros do executivo PSD/CDS que rejeitam a existência de um aumento da carga fiscal no próximo ano, o líder socialista caraterizou essas posições como "um escândalo". "Quando o primeiro-ministro [Pedro Passos Coelho] aumenta o IVA e diz que não há aumento dos impostos, não está a respeitar os portugueses. É preciso ter muito descaramento para dizer uma coisa desse género", declarou ainda António José Seguro.

António José Seguro falava aos jornalistas, na Assembleia da República, depois de encerrar uma audição parlamentar promovida pela bancada do PS sobre organização e mapa judiciário.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)