Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Separatistas de Lugansk declaram lei marcial e mobilização geral

Líder da autoproclamada república popular pediu uma "intervenção de tropas pacificadoras".
22 de Maio de 2014 às 11:51

O líder da autoproclamada república popular de Lugansk, Valeri Bolotov, declarou esta quinta-feira a lei marcial e anunciou a mobilização militar de todos os homens dos 18 aos 45 anos que vivem na região do sudeste ucraniano.

"Devido ao início das ações militares das Forças Armadas ucranianas no território da república popular de Lugansk ordeno a instauração da lei marcial em todo o território da república e declaro a mobilização geral", anunciou Bolotov perante os jornalistas.

Bolotov também pediu uma "intervenção de tropas pacificadoras", presumivelmente russas, "antes que aconteça uma catástrofe humanitária".

ucrânia lugansk lei marcial mobilização geral
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)