Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

STRAW: GOVERNO PÓS-GUERRA SERÁ DOS IRAQUIANOS

O chefe da diplomacia britânica, Jack Straw, assegurou, à rádio BBC, que o futuro governo do Iraque, pós-Saddam, não incluirá estrangeiros, ao contrário daquilo que tem sido adiantado por alguma Comunicação Social que adianta que a futuro governação será composta por americanos e alguns conselheiros iraquianos.
2 de Abril de 2003 às 15:01
“Tentaremos estabelecer um governo representativo que mais tarde será eleito pelo povo iraquiano”, afirmou Straw. Não obstante, segundo o ministro dos Negócios Estrangeiros do governo de Tony Blair, poderá haver conselheiros de outros países mas não haverá estrangeiros a dirigir o novo governo. Este é o objectivo da nossa acção”, concluiu.
O líder da diplomacia britânica, acrescentou ainda que a Grã-Bretanha acordou com os Estados Unidos da América que a administração do Iraque será “aprovada pelas Nações Unidas”.
“No seio da Europa, uma maioria dos países dos 25 que formam a União Europeia, na prática, a partir do final do mês estão de acordo com a acção da coligação”, sustentou o ministro britânico.
Jack Straw conduz, actualmente, encontros com os seus homólogos europeus sobre a questão do nova administração no Iraque.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)