Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Supremo Tribunal do Barém confirma prisão perpétua para oposicionista xiita

Lusa 29 de Janeiro de 2019 às 01:08

O Supremo Tribunal do Barém confirmou na segunda-feira a pena de prisão perpétua aplicada ao chefe da oposição xiita, o xeque Ali Salman, e a dois dos seus colaboradores, por "conluio com o Qatar", segundo fonte judicial.

Esta decisão seguiu-se ao último recurso do xeque, que já está detido.

Na direção do movimento Al-Wefaq, o xeque Salman, de 53 anos, tinha sido condenado em 04 de novembro por "conluio com o Qatar (...) com o objetivo de derrubar a ordem constitucional do país" e de "atos de hostilidade para com o reino do Bahrein".

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)