Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Supremo Tribunal dos EUA decide que Trump tem que mostrar declarações de impostos

Presidente fica assim sujeito a investigação da Procuradoria de Manhattan a crimes de evasão fiscal.
Correio da Manhã 9 de Julho de 2020 às 15:32
Donald Trump
Donald Trump FOTO: Reuters

Numa decisão histórica o Supremo Tribunal dos EUA decidiu que o recurso apresentado por Donald Trump, para bloquear o acesso aos seus registos financeiros e declarações de impostos, não é válido, pelo que o presidente dos EUA está ainda, desta forma, suscetível a uma investigação criminal.

O recurso dizia respeito à investigação de alegados crimes de fraude fiscal, cometidos por Trump ainda antes de chegar à presidência, numa investigação que está a cargo da Procuradoria de Manhattan, Nova Iorque, pelo que as diligências deste processo poderão avançar em breve.

Relativamente às suspeitas de crimes que recaiam sobre o Presidente norte-americano, no âmbito do processo de 'impeachment', o Supremo esclarece que a Casa dos Representantes não poderá ter acesso aos documentos fiscais de Trump, apenas a Procuradoria de Manhattan.

Esta decisão é uma derrota política de Donald Trump, que dizia ser absolutamente imune a qualquer investigação do foro criminal.

Apesar da decisão tomada, o Supremo decidiu ainda retomar o processo a um tribunal de instância inferior, para que o Presidente dos EUA "possa apresentar outros argumentos apropriados".

Supremo Tribunal dos EUA Donald Trump crime lei e justiça punição / sentença
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)