Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Tailândia: Líderes políticos podem ficar detidos "até uma semana" -- exército

24 de Maio de 2014 às 06:45

Os militares que na quinta-feira tomaram o poder na Tailândia anunciaram hoje que poderiam manter detidos "até uma semana" os responsáveis políticos convocados para comparecerem perante a junta militar na sexta-feira.

"Eles poderão ficar detidos até uma semana, em função do seu nível de implicação" na crise política que conduziu ao golpe de Estado, declarou o coronel Winthai Suvaree, porta-voz do exército.

A antiga primeira-ministra da Tailândia, Yingluck Shinawatra, obrigada a demitir-se há duas semanas pelo Tribunal Constitucional, que a considerou culpada do crimes de abuso de poder, é uma das detidas, entre as mais de 100 personalidades que a nova junta militar tailandesa convocou para comparecerem na sexta-feira no Clube do Exército, na capital, sob ordem de prisão caso não cumprissem.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)