Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Tempestades no Uruguai matam sete pessoas

Mais de três mil foram obrigadas a deixar as suas casas.
Lusa 18 de Abril de 2016 às 02:38
A localidade mais duramente atingida foi Rosario, a 130 quilómetros da capital, Montevideu
A localidade mais duramente atingida foi Rosario, a 130 quilómetros da capital, Montevideu FOTO: Andres Stapff/Reuters

Tempestades e cheias no Uruguai já causaram a morte de sete pessoas e obrigaram 3.600 a deixar as suas casas nos últimos dias, informaram as autoridades no domingo.

Quatro pessoas morreram quando um tornado atingiu a cidade de Dolores, na sexta-feira, e outras três perderam a vida ao tentarem atravessar rios inundados na região, de acordo com dados oficiais.

O Presidente Tabare Vazquez declarou dia de luto nacional no domingo.

"Vamos reconstruir Dolores", prometeu, em declarações transmitidas pela rádio.

Diversos edifícios ficaram destruídos na cidade, de acordo com a agência AFP. O Sistema Nacional de Emergência elevou no domingo o número de pessoas forçadas a deixar as suas casas após os rios transbordarem.

O número de deslocados foi, assim, elevado dos 2.000 indicados no início do dia para 3.600.

A localidade mais duramente atingida foi Rosario, a 130 quilómetros da capital, Montevideu.

O rio Rosario transbordou, cortando a estrada nacional que liga Montevideu à cidade turística de Sacramento de Colonia e à capital argentina, Buenos Aires.

Uruguai Tempestades cheias
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)