Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

TERROR PASSOU EM PORTUGAL

“Elementos do grupo de Hamburgo [grupo da al-Qaeda responsável pelo ataque terrorista em Nova Iorque] deslocaram-se para Portugal ou Reino Unido na sequência dos atentados de 11 de Setembro de 2001”, refere o despacho divulgado ontem pela RTP, no Telejornal, da Direcção de Investigação e Acção Penal, sobre o caso de Sofiane Laib, um argelino de 25 anos julgado em 2003 no Tribunal da Boa-Hora e condenado a três anos e meio de prisão por falsificação de documentos.
7 de Junho de 2004 às 01:05
TERROR PASSOU EM PORTUGAL
TERROR PASSOU EM PORTUGAL FOTO: d.r.
Na altura, recorde-se, a PJ e o Ministério Público não conseguiram reunir provas para sustentar a acusação de terrorismo, e Sofiane apenas foi julgado pelo crime de falsificação. No entanto, sabe-se que a PJ continua a investigar as possíveis ligações do argelino a grupos terroristas islâmicos. Sofiane terá sido visto no aeroporto de Lisboa na companhia de um árabe que se encontra preso em Londres por suspeitas de estar envolvido no atentado com rícina (potente veneno) no metropolitiano da capital britânica. Sofiane e esse suspeito conheceram-se em Hamburgo.
Confrontado pela RTP com a possibilidade de um ataque em Portugal durante o Euro, o general Leonel de Carvalho, responsável pela Segurança durante o evento, considerou que as hipóteses são diminutas; numa escala de 1 a 10, Leonel de Carvalho escolheu 1.
Ver comentários