Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

Tóquio quer desenvolver os seus próprios aviões de vigilância

Lusa 21 de Setembro de 2014 às 05:30

O Japão quer desenvolver os seus próprios aviões de vigilância para substituir as aeronaves produzidas nos Estados Unidos e seguir o principio definido pela China e pela Rússia, refere hoje a imprensa.

De acordo com o diário Yomiuri Shimbun, o Ministério da Defesa solicitou uma verba de 80 milhões de ienes (572 mil euros) a inscrever no próximo orçamento que terá início em abril de 2015 de forma a produzir um protótipo de avião.

Os projetistas militares japonesas querem concluir um programa de desenvolvimento de aviões de vigilância em meados da década de 2020 de forma a substituírem os E-2C Hawkeye norte-americanos, cujo desenho data dos anos de 1960.