Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Torrente de lama mata nas Filipinas

Pelos menos 388 pessoas morreram e 96 estão desaparecidas na província de Albay, leste das Filipinas, devido a uma torrente de lama originada pela passagem do ciclone Durian, revelou esta sexta-feira Teresa Arguelles, porta-voz da Cruz Vermelha filipina.
1 de Dezembro de 2006 às 11:44
A Cruz Vermelha prevê que o balanço das vítimas aumente à medida que os socorristas cheguem aos locais até agora isolados devido às más condições meteorológicas.
O trabalho dos socorristas está a ser dificultado pela falta de electricidade, água corrente e linhas telefónicas, bem como pelo mau estado das estradas, na sua maioria cortadas.
A província de Durian ficou devastada esta madrugada após a passagem do ciclone Durian, com ventos que chegaram a atingir os 150 quilómetros por hora. Nesta zona, próxima do vulcão Mayon, a água da chuva misturou-se às cinzas vulcânicas criando autênticas marés de lama e cinzas vulcânicas que soterraram numerosas habitações quase até ao telhado.
Ver comentários