Trabalhadores da NAV acusam Governo de deixar empresa sem liderança

Por Lusa|30.11.17
  • partilhe
  • 0
  • +

A Comissão de Trabalhadores da NAV disse hoje que o Governo ainda não tem um nome para a presidência da empresa, acusando-o de adiar, assim, "sine die" uma decisão sobre o novo sistema de gestão de tráfego aéreo.

"É lamentável que a NAV Portugal esteja há dois meses sem liderança e, consequentemente, com dossiês estratégicos e críticos para a empresa suspensos, apesar do secretário de Estado das Infraestruturas, em duas reuniões com a Comissão de Trabalhadores, se ter comprometido com a indicação de um Presidente para o Conselho de Administração", afirmam os trabalhadores da entidade pública que gere o tráfego aéreo em Portugal.

Por isso, a Comissão de Trabalhadores mostra-se preocupada e responsabiliza o Executivo por "quaisquer eventuais constrangimentos que possam resultar do facto de o espaço aéreo da região de Lisboa estar a atingir níveis de saturação, com prejuízos evidentes para o turismo e, consequentemente, para a economia nacional".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!