Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

UE pressiona Turquia

O comissário para o alargamento da União Europeia Olli Rehn admitiu esta segunda-feira que a Turquia deve mostrar maiores progressos na questão dos Direitos Humanos antes de iniciar as conversações de adesão com a UE.
20 de Junho de 2005 às 15:30
Olli Rehn considera não estar a criar uma condição extra para a adesão da Turquia, alegando que o melhoramento continuado dos direitos humanos faz parte dos critérios da União para qualquer país candidato à adesão.
Estas declarações, proferidas no decorrer de um discurso numa reunião do Centro Político Europeu, surgem numa altura em que aumenta a ansiedade pública sobre o alargamento da UE, um dos factores que motivou o “não” nos referendos realizados em França e na Holanda sobre o Tratado Europeu.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)