Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

UGT quer discutir recursos humanos

O secretário-geral da UGT, João Proença, apelou esta quarta-feira ao Primeiro-ministro, José Sócrates, para que haja diálogo no que respeita à decisão do Governo em criar uma entidade empresarial para gerir os recursos humanos da Administração Pública.
13 de Dezembro de 2006 às 17:12
Segundo João Proença, “nas políticas destinadas à Administração Pública, tem de haver um maior diálogo entre o Governo e os representantes dos trabalhadores”, sendo que esse diálogo deverá abranger a ideia de Teixeira dos Santos, ministro das Finanças, em criar uma empresa responsável pela gestão dos recursos humanos.
O dirigente sublinhou que “não se pode falar em modernização da Administração Pública, ou em reforma, sem haver consenso a nível da gestão dos recursos humanos”.
O secretário-geral da UGT referiu ainda que espera que o Governo entre em diálogo com as centrais sindicais e com as confederações patronais para uma maior ligação entre a formação profissional e o emprego. João Proença defende que também esta ligação deve ser “objecto de um acordo tripartido”, como aconteceu com o acordo sobre a evolução do Salário Mínimo Nacional.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)