Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

Um agricultor chinês morreu em disputa de terrenos

24 de Março de 2014 às 05:45

Um agricultor da China morreu queimado na sexta-feira durante um protesto relacionado com terrenos retirados aos agricultores para serem desenvolvidos, em mais um desentendimento sobre a compensação a receber por terrenos.

Geng Fulin, 62 anos, morreu quando uma pequena barraca construída pelos agricultores ao num terreno rural vendido pelo Governo local a um promotor imobiliário pegou fogo, refere o diário estatal Global Times.

Duas outras pessoas no local ficaram feridas no acidente que aconteceu na cidade de Pingdu, província oriental de Shandong.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)